segunda-feira, 3 de novembro de 2008

HOMENAGEM BERTA MARIA JÚLIA LUTZ


No mês de novembro comemoramos conquistas importantes para o povo brasileiro, entre elas o dia da Proclamação da República e do voto feminino. Com a República, foi implantado no País o federalismo, o sistema presidencialista, a independência dos poderes. Foi o fim da hierarquia baseada no nascimento e na tradição da família, que foi substituída pela forma republicana e pela democracia
O direito do povo escolher seus governantes também passou por várias mudanças.Hoje no Brasil o direito ao voto é assegurado a todos os cidadãos maiores de 18 anos. Mas nem sempre foi assim. Em 1822, um pouco depois da independência do País, só votavam os homens brancos e ricos. Os pobres não tinham esse direito, e os negros eram escravos, portanto serviçais, as mulheres nem pensar.
Cento e oitenta anos depois, a história mudou e transformou o voto feminino em fator decisivo no quadro político nacional. Nas eleições deste ano o voto da mulher teve um peso muito importante. Ele representou cerca de 51% do eleitorado nacional. De acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral foram 58.604.626 mulheres contra 56.431.895 homens
Em 1930, era aprovado no Senado o projeto que estendia o direito de voto às mulheres. Com a Revolução de 30 as atividades parlamentares foram suspensas, atrasando em dois anos o sonho das mulheres.
A luta feminina pelo direito de poder escolher seus governantes tem sua história contada através de Berta Maria Júlia Lutz, filha do famoso cientista Adolfo Lutz, que liderou o movimento decisivo para a conquista do voto. Seu trabalho foi responsável pela aprovação do Novo Código Eleitoral, em 1932, no governo de Getúlio Vargas.

12 comentários:

elvira carvalho disse...

Difícil imaginar a tremenda luta que esta mulher teve de travar em tempos, em que a mulher não tinha direito nem sequer de pensar.
Deixo um abraço de felicidades, e parabéns, para a sua princesinha.
Um abraço

Bel disse...

Oxe... pensei que a homenageada de hoje fosse a Cindy...
Parabéns pra ela... e pra você também!
Beijão!

Georgia disse...

Bel, eu também pensei, mas sei também que ela está emocionada demais para isso, deixou certamente aqui para a tia fazer, pois ela sabia que eu iria fazer.

Esse mulher maravilhosa é de se tirar o chapéu. Quem me dera termos mais mulheres como ela.

Ótima lembranca nesse dia tao especial.

Grande beijo.

Te amo minha irma

elvira carvalho disse...

Bom dia amiga.
Por incrível que pareça, (talvez seja da emoção da minha volta kakakaka...ou tenha sido distracção mesmo) você foi ao blog, "O sino da aldeia" agradecer a minha visita, em vez de ir ao Sexta-feira.
Imagino a cara do Jorge.
O sino da aldeia é um blog muito bom, que a sua mana Georgia, costuma frequentar, que tem no seu dono, Jorge, uma pessoa que eu considero muito, um grande amigo virtual, mas não tem nada a ver comigo. O meu é o Sexta-feira, lembra, do indiozinho do Robinson ? Esse mesmo.
Um abraço

Adelino disse...

Adriana, um post muito interessante. É incrível que há relativamente tão pouco tempo a mulher tenha adquirido o elementar direito ao voto.
Era um direito tão cristalino que foi adquirido até mesmo num regime de ditadura ferrenha como foi a de Getúlio Vargas que, derrotado nas eleições de 1930, tomou o poder pela força das armas ficando nele até 1945.
Mais uma vez parabéns pelo postagem tão oportuna.
Beijos. Feliz semana.
PS - "Sumi" por uns dias por estar ausente da cidade.

simone corpo,mente e arte disse...

Oi ,
ainda bem q existem mulheres como essa no mundo!
E nós temos que aproveitar e levar em frente essas conquistas.bjs.Simone

Beth/Lilás disse...

Olá!
Veja só, nem me lembrava disso e como tem importância para nós, mulheres, neste Brasil hoje em dia, votar e expressar o que pensamos e queremos.
beijão carioca

Georgia disse...

Oi minha irma, bom dia.

Estou vindo aqui te convidar paraf fazer parte desse amigo secreto que estou fazendo parte.

Entra ai vai, vai ser legal, pois o presente é um cartao postal e um cartao de natal.

Aqui o link do blog que está promovendo clica lá faz sua inscricao:

http://desabafoaki.blogspot.com/

te aguardo.

Beijao te amo

Espaço Mensaleiro disse...

Desculpe,

vim em busca da blogagem sobre adoção.

Abraços.
Eliana

Susi ^^A^^ disse...

Século XX, foi o século das conquistas femininas e nós já nascemos em épocas onde é mais fácil ser mulher. Você adotaria alguém? Prazer em conhecê-la! bj

Adelino disse...

Adriana, por onde você? Está fazendo falta.
Um abraço. Feliz final de semana.

elvira carvalho disse...

Passei. Na ausência de novidades deixo um abraço e votos de boa semana.